[ editar artigo]

Diário O Milagre da Manhã, uma ferramenta de transformação!

Diário O Milagre da Manhã, uma ferramenta de transformação!

Então... eu adoro uma loja de incensos, em uma das visitas, achei O Milagre da Manhã – diário – ali exposto, com aqueles raios de sol brilhando. Até então não tinha ouvido falar e não sabia do que se tratava. Dei uma folheada e achei interessante, me pareceu um diário, que poderia me ajudar a retomar o hábito de escrever. Comprei.

Em casa, confesso que ele ficou um longo tempo em stand by, achei um tanto difícil a proposta dele de me fazer levantar antes das 8h, eu não gosto de acordar cedo e já aceitei o fato de que não é preciso madrugar para ser produtivo, mas isso é assunto para uma outra publicação.

Em janeiro de 2020 coloquei como meta retomar o hábito da leitura, então no dia 13 de fevereiro assinei o meu compromisso com O Milagre da Manhã. Eu já vinha fazendo leituras matinais, então para engrenar de vez e amenizar minha ansiedade e meu pensamento acelerado, fui ver o que o trecho do best-seller de Hal Elrod, “Salvadores de vida”, incluso no diário poderia me ajudar.

Ele de início já te diz ao que veio com a citação de Robin Sharma:

“Ter uma vida extraordinária é uma questão de promover melhorias diárias e contínuas nas áreas que mais importam.”

Nos traz um questionamento sobre que lado da lacuna de potencial estamos, ou seja, se estamos mais perto ou mais longe do nosso potencial, e que nossa vida pode ser mais do que aquilo que pensamos ser quando estamos desmotivados e frustrados. Estamos imersos em uma sobrevivência, que esquecemos de priorizar o que realmente queremos fazer. De forma simplificada nos mostra que nossa vida é feita de quatro partes, física, intelectual, emocional e espiritual.

Tudo muito entrelaçado ao que venho estudando e vivenciando no meu encontro com a espiritualidade na Umbanda. Me conectei, pois também acreditamos que quando nos transformamos por dentro, nosso mundo exterior melhora.

Os salvadores apresenta seis práticas para que possamos acessar nossa força interior, passar por essa transformação de dentro para fora e termos uma vida extraordinária. Começa com o silêncio – “Se quiser reduzir bem depressa o nível de estresse para começar o dia com a calma, clareza e paz de espírito que vão lhe permitir manter o foco no que é mais importante na vida e até flertar com a iluminação, faça o oposto do que a maioria das pessoas faz: comece a manhã com um período de silêncio intencional.”

Quando silenciamos, podemos perceber muitas respostas. Levantar se arrastando era um dos meus males, deixava a preguiça ser maior do que eu, de outro lado, em atitudes radicais queria levantar muito cedo e não rendia nada, acabava frustrada. Foi quando pensei, vou adaptar esses hábitos para a rotina que é saudável para mim. Então mesmo que eu não tenha decidido acordar antes das 8h para realizar o diário do milagre da manhã, adaptei para o meu horário. Então comecei levantar com mais ânimo e criar um ritual como higiene pessoal, preparar meu chá, deixar o sol entrar na sala de estudos, acender um incenso, escutar um mantra e respirar lentamente, sentindo inspirar e expirar. O mais difícil era controlar o pensamento querendo fazer listas de tarefas do dia e buscando a fuga para o celular. O que foi resolvido criando o hábito de fazer as listas antes de encerrar o dia anterior e colocando o celular mais longe das mãos. Até aqui já tive alguns aprendizados, tais como: redescobrir a disciplina, desacelerar e buscar soluções para aquilo que atrapalha.

Dentre as seis práticas ainda temos a afirmação, a visualização, o exercício físico, a leitura e a escrita. O que posso frisar é que mesmo que não façamos tudo todos os dias, aprendemos a criar o hábito para as práticas que são mais essenciais para nós em cada fase da nossa vida. Aprendi melhor sobre como construir e projetar afirmações, assim policio muito mais meus pensamentos. Para a visualização, fui buscar mais informações sobre o mapa dos sonhos e tenho colocado tudo isso no papel com metas e prazos. O exercício físico ainda está em desfalque devido a pandemia, mas sinto falta e pretendo retomar assim que possível, pois mesmo antes do diário, foi um divisor de águas na minha vida, ou melhor, na qualidade de vida minha e da minha família. A leitura, hoje faz parte do meu dia, percebi que o melhor horário para ler é pela manhã e que preciso de um caderno junto. Intercalo entre livros de espiritualidade, comunicação, criatividade... sou muito curiosa, e desde que me descobri como multipotencial, consigo organizar melhor essa busca incessante por conhecimento de diferentes áreas, afinal, entendi que isso é possível e saudável. Por fim, a escrita, que era o objetivo maior do diário, bem... aqui estou eu, escrevendo e compartilhando com vocês minha experiência. Além de escrever no diário, tenho meu caderno da gratidão e voltei aos meus textos dentro das minhas vivências. Ainda quero escrever mais, mas entendo que tudo tem seu tempo.

Bom, para quem conseguiu chegar até aqui, deixo minha gratidão e meu comprometimento em voltar com novos textos. Um recado final, lembre-se sempre que o caminho é solitário, somente nós podemos fazer por nós mesmos e somos co-criadores da nossa realidade, o Universo apenas diz sim ao que você projeta. Você pode, faça!!

Beijos de luz

Paulinha Saccol

Transformação Criativa
Paula Saccol
Paula Saccol Seguir

Uma apaixonada pela criatividade, que se descobriu multipotencial e hoje vive feliz com isso! Relações Públicas de formação e Umbandista de coração. Médium, oraculista do Baralho Cigano e Maga. Além de social media e produtora cultural.

Ler conteúdo completo
Indicados para você