[ editar artigo]

Barreira Criativa #1: A ideia genial guardada num cofre.

Barreira Criativa #1: A ideia genial guardada num cofre.

Essa semana me aconteceu uma coisa que que me gerou o insight de falar sobre barreiras e bloqueios criativos. A primeira barreira escolhida foi exatamente a que vi acontecendo na minha frente a pouco tempo.

Tenho um amigo que sempre foi mão de vaca, aquele cara que dá tchau com a mão fechada, mas achei que fosse só com dinheiro, mas notei que ele é assim também com as ideias que possui.

Ele entrou em contato comigo me pedindo mentoria sobre um projeto que quer botar pra frente, mas ele queria também um milagre, queria que eu o ajuda-se a projetar, prototipar e validar sem que eu soubesse o que era e como era o projeto. Ou seja, ele tinha medo de me falar sobre a ideia dele. Com isso qualquer insight que eu pudesse oferecer seria generalista e talvez não se aplicasse à realidade dele. Antes de falar mais sobre, se você tem uma ideia de negócio e está buscando ajuda, fale da sua ideia, do contrário nada acontecerá. 

Eu entendo que antigamente havia realmente uma grande lógica industrial de guardar a receita secreta. Inclusive acho também que  não é necessário abrir toda sua estratégia pra todo mundo, mas parte dela é necessário. Se você quer que suas ideias saiam do papel, meter ela num cofre é um negócio péssimo.

Mas quais as vantagens em compartilhar a ideia??

Primeiramente, você acaba ouvindo a opinião de outras pessoas sobre a ideia (dica: inicialmente não se importe tanto assim com as opiniões, mas se importe), a partir dessa interação você poderá validar hipóteses, aprofundar suas ideias e aperfeiçoar, isso pode ajudar você a descobrir o potencial da sua criação.

Ao contar sobre as ideias você pode também encontrar apoio, descobrir pessoas que acreditem no que você acredita, quem sabe um futuro sócio não esteja entre essas pessoas ou até mesmo possíveis clientes.

E, uma outra coisa muito importante, vi isso no livro Vai lá e faz, do Tiago Mattos, e concordo muito, quando você fala sobre a sua ideia, quando você a divulga, você fica mais motivado a colocá-la em prática porque verbalizou esse desejo e criou um compromisso consigo mesmo e com os outros, e aí você não vai querer fazer feio, não é mesmo?

Mas e se alguém copiar minha ideia genial???

No geral, as ideias não valem nada, o que importa é a prática. Uma coisa é a ideia e outra coisa é a prática. Além de que é bem difícil ter a dedicação e esforço de transformar a ideia em realidade, né?

Por último, quero contar uma outra experiência que tive, em 2019 eu estava participando de um Hackaton, uma competição de desenvolvimento de ideias no prazo de uma semana, e no início todas as pessoas que tiverem alguma ideia podem subir no palco e falar 30 segundos sobre essa ideia e convidar pessoas a entrar no seu grupo.

Então, subiu um rapaz e falou o seguinte: "gente eu tenho uma ideia foda sobre marketing, coisa nova mesmo, mas decidi não falar aqui, se alguém quiser saber mais é só falar comigo". O que vocês acham que aconteceu? Ninguém quis saber da ideia genial dele...

Quando você compartilha com as pessoas, elas também compartilham com você. Quando não compartilha, bom, elas também não.

 

 

Transformação Criativa
Victor Maués
Victor Maués Seguir

Sou futurista, facilitador de projetos e produtor de conteúdo. Acredito no poder da aprendizagem humana pra gerar cenários de abundância no mundo, por isso iniciei a Tribus Kabana.

Ler conteúdo completo
Indicados para você